Home Resenhas Resenha: Sense8
Resenha: Sense8

Resenha: Sense8

0
1

sense8-1

Um disparo. Uma morte. Um instante no tempo em que oito mentes em seis continentes são interligadas para sempre. Oito pessoas vivem suas vidas, segredos e ameaças como uma. São pessoas comuns, renascidas com um mesmo inimigo e destino.

Sense8 não é uma série fácil. Não é uma série pra qualquer um, e eu acredito que toda expectativa necessariamente é ruim, afinal, por melhor que seja um filme, uma série, um livro, nunca será como você idealizou. E creio que Sense8 criou expectativas errôneas de que seria um conjunto de alucinantes cenas de ação conectadas por uma complexa trama de ficção científica. Mas um pouco mais de atenção revela que o título indica muito sobre o cerne desta narrativa.

sense8 pontos de vista

A história foi escrita pelos Irmãos Wachoswski (The Matrix) e J. Michael Straczynski (Babylon 5Moonshadow), e mais ousado do que mostrar nudez e cenas de sexo, foi a proposta de contar oito histórias simultâneas e entrelaçadas, sem se perder e o pior; conseguiram.

Uma serie original da Netflix mostra sobre comunidade, senso de união. Sem tabus ou alguém melhor que os demais, mostrando que juntos eles são mais poderosos e com sensibilidade.

Sense8 dividiu opiniões na crítica especializada. Muito do que li dizia que a série tem uma boa e criativa ideia inicial, mas que ela ficava muito “parada” e não avança. Creio que muita gente perdeu o que realmente importa na série, sua força, que é a parte emocional, sensível e intuitiva que une estes oito seres humana – segundo a mitologia da série, devem estar mais conectados com o mundo e a natureza do que os outros. As cenas em que eles interagem entre si são belíssimas, a começar pela excelente sequência das músicas.

Se você busca riqueza de detalhes, profundidade e densidade, Sense8 foi feita em 12 episódios para você.

Comments

Comentários

Aline Semensato Paulistana com estilo geek e mantendo a fofura como a casca de uma tartaruga. Solteira, namorando, noiva, superou a crise dos 30 sem fazer botox. Projeto de leitora, tentativa de corredora.
  • Pedro

    Ótima série! Mal vejo a hora de lançarem a segunda temporada.