Home Notícias Games França Apresenta Projeto Para Penalizar Jogos Sexistas
França Apresenta Projeto Para Penalizar Jogos Sexistas

França Apresenta Projeto Para Penalizar Jogos Sexistas

0
3

No dia 16 de Janeiro, foi apresentado na Assembleia Nacional Francesa, uma nova lei que irá penalizar qualquer videogame que seja considerado sexista, a lei havia sido retirada para melhorias e voltou a ser apresentada no dia 16 de Janeiro.

Na França catherine coutelle psqualquer jogo desenvolvido por programadores franceses ou da união europeia com custos acima de €100.000 (Euros), têm direito a um crédito de imposto até 20% dos custos totais do desenvolvimento. Com a nova lei, este bônus seria retirado caso o jogo seja considerado degradante a imagem da mulher, a ideia é mudar o termo de classificação “pornografia” para “representação degradante a mulher”.

A lei foi apresentada por Catherine Coutelle, Presidente da Delegação para os Direitos da Mulher e Igualdade de Oportunidades entre Homem e Mulher, a lei teve apoio de treze membros que a apresentaram e mais cinco membros da Assembleia Nacional.

jogos-sexistas-matéria

Vários programadores Franceses reagiram, dizendo que é uma atitude muito boa, porém muito difícil de implementar na prática, pois eles já são altamente cuidadosos com a forma como representam as mulheres nos seus jogos. Uma das principais críticas à lei é por visar exclusivamente os videojogos e não outros meios.

Comments

Comentários

Sulean Moura Aventureiro desde o Megadrive, mais de quinze anos de jogatina e arqueologia dos jogos eletrônicos.
  • Tiago Miguel

    Isso é um tema complexo que envolve inclusive o direito de liberdade de expressão. Quando o governo francês diz que não vai mais conceder os benefícios fiscais se considerar que o jogo seja “sexista” é uma forma de dizer: “ok, você pode fazer o jogo do jeito que quiser, porém não conte com nosso apoio.” Mas ainda assim é preciso tomar cuidado para que isso não venha a evoluir e se transformar numa censura de fato. Se dizemos que jogos violentos não tornam uma pessoa violenta, não faz sentido defender que jogos “sexistas”tornam uma pessoa sexista.

    • Dennis Himura

      Acho que o projeto em si,é algo que realmente precisa existir. Acho que o ponto de censura só vigora na hora que for realmente banido ou interrompido. Como ainda éum projeto vamos esperar o andamento de tudo.

  • Tiago Miguel