Home Editorial The Walking Dead e a Temporada do “Xi… Não Era Isso”
The Walking Dead e a Temporada do “Xi… Não Era Isso”

The Walking Dead e a Temporada do “Xi… Não Era Isso”

0
0

Antes de começar, esteja avisado: Há spoilers no caminho. 🙂

twd 1

The Walking Dead chegou ao seu hiato de fim de ano, deixando neste velho ranzinza uma sensação incômoda de “xi… não era isso”.  Explico:

A sexta temporada começou bem, com a volta de Morgan em um momento crucial que abalou toda a estrutura moral de Alexandria. Rick havia acabado de matar a sangue frio um cidadão perigoso da cidade. Daí, pensei: Boa! Morgan e Rick trocaram de papeis! – Óbvio. Já que na última vez em que se encontraram, Rick ainda preservava algum senso de humanidade enquanto Morgan era o loucão da vez. Esperado seria explorar esse contraste. Mas os episódios foram rolando, teve o lance do comboio organizado de zumbis que deu errado, o flashback de noventa minutos explicando “como Morgan virou monge”, cenas e mais cenas de diálogos arrastados e, xi… não era isso.

Rick e Morgan

Daryl, talvez o personagem mais equilibrado de toda a trupe… Espere, onde está Daryl? Cuidando de uma side-quest aparentemente aleatória enquanto a trama principal corre solta. Mas vamos com calma aí. Pode ser a primeira vez que vimos os temidos Salvadores. Se sim, tó aqui meu braço pra você torcer.

O único mistério que TWD tratou como grande e importante… xi, não era. Gleen escapou do inescapável, está vivo, sadio e ninguém se importou ou entendeu a razão de tanto fervor. Aliás, a supervalorização da falsa morte de Gleen é – para este que vos escreve – um sinal de que há problemas de prioridade na série que repete dilemas, foca no que não interessa e busca saídas preguiçosas para se resolver.

O ponto bom:

O grande lance de TWD é a tentativa dos sobreviventes de restabelecer a vida como era antes do apocalipse zumbi. Paradigmas sociais são constantemente desafiados pelo instinto de sobrevivência, e a maneira como cada personagem lida com isso é o que faz a trama girar. Nisto, a primeira metade da sexta temporada vence com louvor. Ao tentar descentralizar a história, vimos as múltiplas formas de olhar para a crise zumbi. Essa pluralidade de pontos de vista, muitas vezes conflitantes, deixa a trama mais saborosa.

the-walking-dead_season6

A gente já devia ter aprendido que TWD é uma série com seus altos e baixos muito bem definidos. Peca-se aqui, redime-se ali. Às vezes no mesmo episódio, às vezes entre uma temporada e outra. Na balança, ainda é uma das minhas séries preferidas.

Comments

Comentários

Pedro Ivo "Uma vez eliminado o impossível, o que sobrar, por mais improvável que pareça, só pode ser a verdade."